32-bit package guidelines (Português)

From ArchWiki
Jump to navigation Jump to search
Status de tradução: Esse artigo é uma tradução de 32-bit package guidelines. Data da última tradução: 2019-06-19. Você pode ajudar a sincronizar a tradução, se houver alterações na versão em inglês.
Diretrizes de criação de pacotes

32-bitCLRCrossEclipseElectronFree PascalGNOMEGoHaskellJavaKDEKernelLispMinGWNode.jsNonfreeOCamlPerlPHPPythonRRubyRustVCSWebWine

Software legado 32 bits pode ser compilado e instalado em máquinas de outra arquitetura nativa, como x86_64. Esse artigo explica a produção e convenções de tais pacotes.

Nomenclatura de pacote

Variáveis e parâmetros

lib32

Especifique essas variáveis bash em um PKGBUILD para dizer ao compilador para gerar código em 32 bits:

export CFLAGS+=" -m32"
export CXXFLAGS+=" -m32"
export LDFLAGS+=" -m32"
export PKG_CONFIG_PATH='/usr/lib32/pkgconfig'

Colocação de arquivos

Certifique-se que arquivos de pacotes lib32 não conflitem com os arquivos de pacote nativo e que incluam todos os arquivos necessários, tal como "includes" específicos de arquitetura. Por exemplo, se um pacote compila usando GNU Autoconf, especifique o seguinte configure:

--program-suffix="-32" \
--lib{exec,}dir=/usr/lib32 \
--includedir=/usr/include/"$pkgbase"32 \ 
--build=i686-pc-linux-gnu

x32

Tango-view-fullscreen.pngThis article or section needs expansion.Tango-view-fullscreen.png

Reason: Adicionar qualquer informação sobre como pacotes x32 podem ser compilados aqui. (Discuss in Talk:32-bit package guidelines (Português)#-x32?)