MinGW package guidelines (Português)

From ArchWiki
(Redirected from Diretrizes de pacotes MinGW)
Jump to: navigation, search
Diretrizes de criação de pacotes

CLRCrossEclipseFree PascalGNOMEGoHaskellJavaKDEKernelLispMinGWNode.jsNonfreeOCamlPerlPHPPythonRRubyVCSWebWine

Esta página explica como escrever PKGBUILDs para software em execução no Windows usando o GCC. Existem duas opções para criar software para o Windows no Linux:

  • mingw-w64: fornece cadeia de ferramentas de 32 e 64 bits com suporte a secure crt, Vista+ API, DDK (ReactOS) e DirectX (WINE). Para uma lista completa dos recursos e diferenças suportados com o antigo MinGW.org, veja aqui. Disponível em mingw-w64-gccAUR.
  • MinGW: fornece cadeia de ferramentas de 32 bits com suporte limitado a DirectX. Ele também sofre com a quebra de longa duração na implementação do armazenamento local de encadeamento e no suporte à biblioteca de ponto flutuante. Foi removido dos repositórios oficiais e do AUR.

Nomenclatura de pacote

Um pacote para mingw-w64 deve ser nomeado mingw-w64-pkgname. Se uma variante estática do pacote está sendo compilado, acrescente o sufixo de nome de pacote com -static (veja abaixo para os casos nos quais isso é necessário).

Empacotamento

O empacotamento para pacotes de plataforma cruzada pode ser bastante complicada, pois há muitos sistemas de construção diferentes e peculiaridades de baixo nível. Tome nota das seguintes coisas:

  • sempre adicione mingw-w64-crtAUR ao depends, a menos que ele dependa de outro pacote que implicitamente depende dele
  • sempre adicione mingw-w64-gccAUR ao makedepends, a menos que esteja usando mingw-w64-configureAUR ou mingw-w64-cmakeAUR
  • sempre adicione !strip, staticlibs e !buildflags ao options
  • sempre use o pkgdesc original e adicione (mingw-w64) ao fim do pkgdesc
  • sempre use e siga o pkgver original do pacote oficial
  • sempre compile as versões 32 bit e 64 bit das bibliotecas
  • sempre coloque todas as coisas sob o prefixo /usr/i686-w64-mingw32 e /usr/x86_64-w64-mingw32
  • sempre use any como a arquitetura (exceto que o pacote contém executáveis que devem ser executados no sistema de compilação)
  • sempre compile os binários compartilhados e estáticos, a menos que eles conflitem
  • considere a remoção de documentação desnecessária (rm -r $pkgdir/usr/i686-w64-mingw32/share/{doc,info,man}, rm -r $pkgdir/usr/x86_64-w64-mingw32/share/{doc,info,man})
  • considere usar mingw-w64-configureAUR para compilação com scripts de configuração
  • considere usar mingw-w64-cmakeAUR para compilação com CMake
  • considere usar mingw-w64-qt5-baseAUR ou mingw-w64-qt4AUR para compilação com QMake
  • considere usar opções de compilação -O2 -g -pipe -Wall -Wp,-D_FORTIFY_SOURCE=2 -fexceptions --param=ssp-buffer-size=4 (geralmente nomeadas com CFLAGS, CXXFLAGS) quando nenhum sistema de compilação adequado foi fornecido
  • considere remover símbolos explicitamente com ${_arch}-strip em loop for package() como demonstrado nos exemplos de PKGBUILD abaixo.
    • considere usar o comando find para interagir com $pkgdir já que todas DLLs, bibliotecas estáticas ou executáveis podem residir em localizações apropriadas.
      • se o binário é uma DLL, use ${_arch}-strip --strip-unneeded *.dll
      • se o binário é uma biblioteca estática, use ${_arch}-strip -g *.a
  • se um pacote é modular (requer certas dependências de compilação, mas tais dependências são opcionais para o usuário final) adicione essas ao makedepends e optdepends. Certifique-se de subtrai-los do depends se estiver atualizando um pacote existente. Exemplo disto em uso: mingw-w64-rubyAUR[link quebrado: package not found], mingw-w64-allegroAUR
  • se um pacote instala um script $pkgdir/usr/${_arch}/bin/*-config, crie um link simbólico para $pkgdir/usr/bin/${_arch}-*-config
  • se um pacote usa autoconf, defina explicitamente --build="$CHOST" no configure para contornar o bug #108405 do autoconf ou usar mingw-w64-configureAUR

Como mencionado acima, os arquivos devem ser todos instalados em /usr/i686-w64-mingw32 e /usr/x86_64-w64-mingw32. Especificamente, todas as DLLs devem ser colocadas em /usr/*-w64-mingw32/bin, pois são bibliotecas dinâmicas necessárias no tempo de execução. Seus arquivos .dll.a correspondentes devem ir para /usr/*-w64-mingw32/lib. Por favor, exclua qualquer documentação desnecessária e talvez outros arquivos de /usr/share. Os pacotes de compilações cruzadas não são destinados ao usuário, mas apenas ao compilador e à distribuição binária, e, como tal, você deve tentar torná-los o menor possível.

Sempre tente combinar o pkgver em seus pacotes mingw-w64 com o pkgver dos pacotes comuns correspondentes nas repositórios oficiais do Arch Linux (e não nos repos de teste). Isso garante que o software de compilação cruzada funcione exatamente da mesma maneira no Windows, sem nenhum erro inesperado. Se os pacotes no Arch estão desatualizados, geralmente há uma boa razão e você ainda deve seguir a versão do Arch em vez de usar o release upstream mais recente. Se o pacote nativo correspondente estiver no AUR, não será necessário seguir esta política de versão, pois muitos pacotes do AUR são muitas vezes órfãos ou não são mantidos.

Exemplos

Os exemplos a seguir tentarão cobrir algumas das convenções e sistemas de compilação mais comuns.

Autotools

pkgname=mingw-w64-foo
pkgver=1.0
pkgrel=1
pkgdesc="Foo bar (mingw-w64)"
arch=('any')
url="http://www.foo.bar"
license=('GPL')
makedepends=('mingw-w64-configure')
depends=('mingw-w64-crt')
options=('!strip' '!buildflags' 'staticlibs')
source=("http://www.foo.bar/foobar.tar.gz")
md5sums=('4736ac4f34fd9a41fa0197eac23bbc24')

_architectures="i686-w64-mingw32 x86_64-w64-mingw32"

build() {
  cd "${srcdir}/foo-$pkgver/"
  for _arch in ${_architectures}; do
    mkdir -p build-${_arch} && pushd build-${_arch}
    ${_arch}-configure ..
    make
    popd
  done
}

package() {
  for _arch in ${_architectures}; do
    cd "${srcdir}/foo-$pkgver/build-${_arch}"
    make DESTDIR="${pkgdir}" install
    ${_arch}-strip --strip-unneeded "$pkgdir"/usr/${_arch}/bin/*.dll
    ${_arch}-strip -g "$pkgdir"/usr/${_arch}/lib/*.a
  done
}

CMake

pkgname=mingw-w64-foo
pkgver=1.0
pkgrel=1
pkgdesc="Foo bar (mingw-w64)"
arch=('any')
url="http://www.foo.bar"
license=('GPL')
makedepends=('mingw-w64-cmake')
depends=('mingw-w64-crt')
options=('!strip' '!buildflags' 'staticlibs')
source=("http://www.foo.bar/foobar.tar.gz")
md5sums=('4736ac4f34fd9a41fa0197eac23bbc24')

_architectures="i686-w64-mingw32 x86_64-w64-mingw32"

build() { 
  cd "$srcdir/foo-$pkgver/"
  for _arch in ${_architectures}; do
    mkdir -p build-${_arch} && pushd build-${_arch}
    ${_arch}-cmake ..
    make
    popd
  done
}

package() {
  for _arch in ${_architectures}; do
    cd "${srcdir}/foo-$pkgver/build-${_arch}"
    make DESTDIR="${pkgdir}" install
    ${_arch}-strip --strip-unneeded "$pkgdir"/usr/${_arch}/bin/*.dll
    ${_arch}-strip -g "$pkgdir"/usr/${_arch}/lib/*.a
  done
}