GNU Project (Português)

From ArchWiki
Jump to: navigation, search

Do https://www.gnu.org/:

O Projeto GNU foi lançado em 1984 para desenvolver o sistema operacional GNU, um sistema operacional completo semelhante ao Unix, que é software livre – software que respeita a sua liberdade. Os sistemas operacionais semelhantes a Unix são criados a partir de uma coleção de aplicativos, bibliotecas e ferramentas para desenvolvedores – além de um programa para alocar recursos e conversar com o hardware, conhecido como kernel. [...] A combinação de GNU e Linux é o sistema operacional GNU/Linux, agora usado por milhões e algumas vezes incorretamente chamado apenas de “Linux”. O nome “GNU” é um acrônimo recursivo para “GNU's Not Unix!” ou, em português, “GNU Não é Unix!”.

O objetivo do Projeto GNU é produzir um sistema operacional totalmente livre. Enquanto o kernel do GNU não atingiu uma versão estável, o projeto resultou na criação de muitas ferramentas que alimentam a maioria das distribuições de sistemas operacionais semelhantes a Unix. O Arch Linux é uma distribuição desse tipo, usando o software GNU, como o gerenciador de boot GRUB, o shell Bash e vários outros utilitários e bibliotecas.

O sistema base

No final do processo de instalação, um sistema Arch é nada mais do que o Kernel Linux, a cadeia de ferramentas do GNU e algumas ferramentas de linha de comando. A instalação mínima normalmente contém todo o grupo base.

Kernel

Enquanto o Hurd, o kernel do GNU, está em desenvolvimento ativo, ainda não existe uma versão estável. Por esse motivo, o Arch e a maioria dos outros sistemas baseados em GNU usam o Kernel Linux. O projeto Arch Hurd Project visa portar o Arch Linux para o kernel Hurd.

Coleção de softwares

  • GRUB — GRUB é um gerenciador de boot para o projeto GNU.
https://www.gnu.org/software/grub/ || grub
  • glibc — glibc é a implementação do GNU da biblioteca C. Apesar de seu nome, ela também oferece suporte a C++ e outras linguagens indiretamente. Ela define as chamadas de sistema e outros recurso básicos como open, malloc, printf, exit.
https://www.gnu.org/software/libc/ || glibc
  • binutils — É uma coleção de ferramentas de binárias.
https://www.gnu.org/software/binutils/ || binutils
  • bash — É um shell compatível com sh que incorpora recursos úteis do Korn shell (ksh) e do C shell (csh).
https://www.gnu.org/software/bash/ || bash
  • coreutils — coreutils fornece os utilitários básicos de manipulação de arquivo, shell e texto do sistema operacional GNU.
https://www.gnu.org/software/coreutils/ || coreutils
  • gzip — gzip é tanto um formato de arquivo quanto um aplicativo de software para compressão e descompressão.
https://www.gnu.org/software/gzip/ || gzip
  • tar — It provides the ability to create or decompress tar archives, as well as various other kinds of manipulation.
https://www.gnu.org/software/tar/ || tar

Ferramentas de desenvolvimento

Embora não seja necessário, os usuários têm a opção de instalar o grupo base-devel para algumas ferramentas de desenvolvimento de software. Este grupo é um requisito para a compilação de pacotes a partir do Arch User Repository.

Entre base-devel estão vários membros do Conjunto de Ferramentas GNU, um "conjunto de ferramentas usadas de forma serial [...] para desenvolver aplicativos e sistemas operacionais ". Os principais componentes deste conjunto de ferramenta são:

compilação e construção: make

conjunto de compiladores: gcc

vinculador, montador e outras ferramentas: binutils

w:gold (linker), w:GNU Binutils, w:GNU linker

gerador de analisador: bison

processador de macro: m4

Sistema de Compilação GNU (autotools):

configurar o código-fonte automaticamente: autoconf
criar automaticamente Makefiles: automake
scripts de suporte a bibliotecas: libtool

Outras ferramentas

Muitas outras ferramentas opcionais do GNU está disponíveis nos repositórios oficiais:

Ambiente desktop: GNOME

Gerenciador de janelas em tela cheia: GNU Screen

Gerenciador de partição: GNU Parted

Editor de imagens: GIMP

Planilhas: Gnumeric

Kit de ferramentas de widget: GTK+

Veja também