Mirrors (Português)

From ArchWiki
Jump to: navigation, search

Esta página é um guia para selecionar e configurar seus espelhos e uma lista dos espelhos disponíveis atualmente.

Espelhos oficiais

A lista de espelhos oficial do Arch Linux está disponível no pacote pacman-mirrorlist. Para obter uma lista de espelhos mais atualizada, use a página Pacman Mirrorlist Generator no site principal.

Verifique o status dos espelhos do Arch visitando a página Mirror Status. É recomendável usar apenas espelhos atualizados, ou seja, não fora de sincronia.

Se você quiser que o seu espelho seja adicionado à lista oficial, veja DeveloperWiki:NewMirrors. Enquanto isso, adicione-o à lista #Espelhos não oficiais no final desta página.

Espelhos prontos para IPv6

O Pacman Mirrorlist Generator também pode ser usado para localizar uma lista atual de espelhos IPv6.

Habilitando um espelho específico

Para habilitar espelhos, edite /etc/pacman.d/mirrorlist e localize sua região geográfica. Descomente os espelhos que você gostaria de usar.

Exemplo:

# Any
# Server = ftp://mirrors.kernel.org/archlinux/$repo/os/$arch
Server = http://mirrors.kernel.org/archlinux/$repo/os/$arch

Veja #Ordenando espelhos para ferramentas que ajudam a escolher espelhos.

Dica:
  • Descomente 5 espelhos favoritos e coloque-os no topo do arquivo mirrorlist. Dessa forma, é fácil encontrá-los e movê-los se o primeiro espelho da lista tiver problemas. Também facilita a atualização de atualizações de lista espelhada.
  • Os espelhos HTTP são mais rápidos que o FTP devido a conexão HTTP persistente: com o FTP, uma nova conexão ao servidor deve ser estabelecida toda vez que pacman solicita o download de um pacote, em uma breve pausa.

Também é possível especificar espelhos em /etc/pacman.conf. Para o repositório [core], a configuração padrão é:

[core]
Include = /etc/pacman.d/mirrorlist

Para usar o espelho HostEurope como espelho padrão, adicione-o antes da linha Include:

[core]
Server = ftp://ftp.hosteurope.de/mirror/ftp.archlinux.org/core/os/$arch
Include = /etc/pacman.d/mirrorlist

O pacman agora tentará se conectar a esse espelho primeiro. Prossiga para fazer o mesmo para [testing] , [extra] e [community], se aplicável.

Nota: Se os espelhos foram declarados diretamente em pacman.conf, lembre-se de usar o mesmo espelho para todos os repositórios. Caso contrário, pacotes que são incompatíveis entre si podem ser instalados, como o linux de [core] e um módulo de kernel antigo de [extra].

Forçar o pacman a renovar as listas de pacotes

Os espelhos podem estar fora de sincronia e a lista de pacotes do espelho antigo pode não corresponder à lista de pacotes do novo espelho, mesmo que as datas das listas possam sugerir isso.

Após criar/editar o /etc/pacman.d/mirrorlist, execute o seguinte comando:

# pacman -Syyu

Passar dois sinalizadores --refresh/-y força o pacman a atualizar todas as listas de pacotes, mesmo que sejam consideradas atualizadas. Emitir pacman -Syyu é um gasto desnecessário de largura de banda na maioria dos casos, mas algumas vezes pode corrigir problemas ao trocar entre um espelho defeituoso para um funcional. Veja também Is -Syy safe? (-Syy é seguro?).

Atenção: Na maioria dos casos, se você forçar a atualização do banco de dados do pacman, será necessário forçar o downgrade de qualquer pacote potencialmente novo demais para corresponder às versões oferecidas pelo novo espelho. Isso evita problemas nos quais os pacotes são atualizados de forma inconsistente, levando a uma atualização parcial.
# pacman -Syyuu

Isso não é necessário ao usar carimbos de hora (timestamps) para garantir que os espelhos apenas estejam atualizados.

Ordenando espelhos

Ao baixar os pacotes, o pacman usa os espelhos na ordem em que estão listados no /etc/pacman.d/mirrorlist. A ordem que os servidores aparecem na lista define sua prioridade.

Não é ideal classificar apenas com base nos espelhos na velocidade, pois os servidores mais rápidos podem estar fora de sincronia. Em vez disso, faça uma lista de espelhos classificados por sua velocidade, depois remova da lista aqueles que estão fora de sincronia conforme seu status.

É recomendado repetir esse processo antes de toda atualização de sistema para manter a lista de espelhos atualizada.

Listar por velocidade

Classificando uma lista de espelhos existente

O pacote pacman-contrib fornece um script Bash, /usr/bin/rankmirrors, que pode ser usado para classificar os espelhos de acordo com suas velocidades de conexão e abertura para aproveitar o uso do espelho local mais rápido.

Faça um backup do /etc/pacman.d/mirrorlist existente:

# cp /etc/pacman.d/mirrorlist /etc/pacman.d/mirrorlist.backup

Para preparar mirrorlist.backup para classificar com rankmirrors, as seguintes ações podem ser executadas:

Edite mirrorlist.backup e descomente os servidores a serem testados

  • Se os servidores no arquivo estiverem agrupados por país, pode-se extrair os servidores de um país específico por uso:
    $ awk '/^## Nome do país$/{f=1}f==0{next}/^$/{exit}{print substr($0, 2)}' /etc/pacman.d/mirrorlist.backup
  • Para descomentar todo o espelho, execute a seguinte linha sed:
    # sed -i 's/^#Server/Server/' /etc/pacman.d/mirrorlist.backup

Finalmente, classifique os espelhos, aqui com o operando -n 6 para emitir apenas os 6 espelhos mais rápidos:

# rankmirrors -n 6 /etc/pacman.d/mirrorlist.backup > /etc/pacman.d/mirrorlist

Obtendo e classificando uma lista de espelho live

Para iniciar com uma lista curta de espelhos atualizados baseada em alguns países e fornecê-la ao rankmirrors, pode-se obter a lista do Pacman Mirrorlist Generator. O comando abaixo pega os espelhos atualizados na França ou no Reino Unido, que possuem suporte ao protocolo https, ele descomenta os servidores na lista e então os classifica e retorna os 5 mais rápidos.

$ curl -s "https://www.archlinux.org/mirrorlist/?country=FR&country=GB&protocol=https&use_mirror_status=on" | sed -e 's/^#Server/Server/' -e '/^#/d' | rankmirrors -n 5 -
Dica: Esse procedimento pode ser feito interativamente navegando para https://www.archlinux.org/mirrorlist com qualquer navegador baseado em texto como, por exemplo, o elinks(1).

Classificação do lado do servidor

O Pacman Mirrorlist Generator oficial fornece uma maneira fácil de obter uma lista ordenada de espelhos. Como toda a classificação é feita em um único servidor que leva vários fatores em consideração, a quantidade de carga nos espelhos e nos clientes é significativamente menor em comparação à classificação em cada cliente individual.

Outra alternativa popular é a ferramenta a seguir:

Reflector — Obtém o último mirrorlist da página MirrorStatus, filtra e ordena-os por velocidade e sobrescreve /etc/pacman.d/mirrorlist

https://xyne.archlinux.ca/projects/reflector/ || reflector

Solução de problemas

Na improvável situação de você estar sem espelhos configurados e pacman-mirrorlist não instalado, execute o seguinte comando:

# curl -o /etc/pacman.d/mirrorlist https://www.archlinux.org/mirrorlist/all/

Lembre-se de descomentar um espelho preferencial conforme descrito acima e então:

# pacman -Syu pacman-mirrorlist

Espelhos não oficiais

Esses espelhos não estão listados no /etc/pacman.d/mirrorlist.

Áustria

Canadá

China

Telecom

Unicom

Cernet

França

Indonésia

Irã

Itália

Japão

Malásia

Holanda

Nova Zelândia

Polônia

Rússia

África do Sul

Suécia

Tailândia

Turquia

Estados Unidos

Sourceforge (ISOs antigas)

Veja também