Difference between revisions of "Arch Linux (Português)"

From ArchWiki
Jump to: navigation, search
(use https for links to archlinux.org)
(22 intermediate revisions by 8 users not shown)
Line 1: Line 1:
{{i18n_links_start}}
+
[[Category:About Arch (Português)]]
{{i18n_entry|Deutsch|ArchLinux (Deutsch)}}
+
[[Category:Português]]
{{i18n_entry|English|ArchLinux}}
+
[[bg:Arch Linux]]
{{i18n_entry|Français|ArchLinux (Français)}}
+
[[cs:Arch Linux]]
{{i18n_entry|Polski|ArchLinux (Polski)}}
+
[[da:Arch Linux]]
{{i18n_entry|Português do Brasil|ArchLinux_(Português_do_Brasil)}}
+
[[de:Über Arch Linux]]
{{i18n_entry|繁體中文|ArchLinux (繁體中文)}}
+
[[el:Arch Linux]]
{{i18n_entry|简体中文|ArchLinux (简体中文)}}
+
[[en:Arch Linux]]
{{i18n_entry|Русский|ArchLinux (Русский)}}
+
[[es:Arch Linux]]
{{i18n_entry|Slovensky|ArchLinux_(Slovensky)}}
+
[[fr:Arch Linux]]
{{i18n_entry|עברית|ArchLinux (עברית)}}
+
[[he:Arch Linux]]
{{i18n_links_end}}
+
[[hr:Arch Linux]]
 +
[[hu:Arch Linux]]
 +
[[id:Arch Linux]]
 +
[[it:Arch Linux]]
 +
[[ja:Arch Linux]]
 +
[[ko:Arch Linux]]
 +
[[lt:Arch Linux]]
 +
[[nl:Arch Linux]]
 +
[[pl:Arch Linux]]
 +
[[ro:Arch Linux]]
 +
[[ru:Arch Linux]]
 +
[[sk:Arch Linux]]
 +
[[sr:Arch Linux]]
 +
[[th:Arch Linux]]
 +
[[tr:Arch_Linux]]
 +
[[uk:Arch Linux]]
 +
[[zh-CN:Arch Linux]]
 +
[[zh-TW:Arch Linux]]
 +
O Arch Linux é uma distribuição GNU/Linux i686/x86_64 de uso geral desenvolvida independentemente e versátil o suficiente para cumprir qualquer papel. O desenvolvimento é focado na simplicidade, minimalismo e elegância de código. O Arch é instalado como um sistema de base mínimo a partir do qual o usuário configura seu ambiente ideal, instalando apenas o que for requerido ou desejado para seus propósitos pessoais. Utilitários GUI (Graphical User Interface) de configuração não são providos oficialmente, e a maioria da configuração do sistema é realizada no terminal, editando simples arquivos de texto. Baseado no modelo de ''rolling-release'', o Arch se esforça para se manter ''bleeding edge'', e tipicamente oferece as últimas versões estáveis da maioria dos softwares.
  
 +
== História ==
 +
O Arch Linux foi fundado pelo programador canadense Judd Vinet. Seu primeiro lançamento formal, o Arch Linux 0.1, foi em 11 de março de 2002. Embora o Arch seja completamente independente, ele se inspira na simplicidade de outras distribuições, incluindo o [http://slackware.com Slackware], o [http://www.crux.nu CRUX] e o [http://en.wikipedia.org/wiki/Berkeley_Software_Distribution BSD]. Em julho de 2007, Judd Vinet deixou o cargo de Líder de Projeto para perseguir outros interesses e foi substituído por Aaron Griffin, que permanece como líder do projeto até hoje.
  
= O que é Arch Linux? =
+
Veja também: [[History of Arch Linux (Português)]].
  
Arch Linux é uma '''distribuição linux otimizada para i686''' que foi baseada originalmente em idéias vindas de CRUX, uma notável distribuição desenvolvida por Per Lidén.
+
== Simplicidade ==
  
== Vantagens ==
+
Seguindo a filosofia [[The Arch Way (Português)]], o Arch Linux é leve, flexível, simples e visa ser bastante UNIX-''like''.Um ambiente mínimo (sem GUI) compilado para as arquiteturas i686/x86_64 é proporcionado após a instalação: ao invés de ter de desinstalar pacotes desnecessários ou indesejados, é oferecida ao usuário avançado a habilidade de construir a partir de um alicerce mínimo, sem quaisquer padrões escolhidos antecipadamente. A filosofia de design do Arch e sua implementação tornam fácil estendê-lo ou moldá-lo em qualquer tipo de sistema requerido, de um console minimalista aos mais grandiosos e completos ambientes de desktop disponíveis: é ''o usuário'' quem decide o que o seu sistema Arch será.
Arch é rápida, leve, flexível e simples. Estas não são palavras de impacto muito boas, mas são todas verdadeiras. Arch é otimizada para o processador i686, assim você tem mais por seus ciclos de cpu. Ela é leve se comparada à RedHat e outras, e o seu projeto simples faz com que ela seja facilmente extendida e moldada a qualquer tipo de sistema que você esteja construindo.
+
  
== Gerenciamento de pacotes único ==
+
O simples sistema init do Arch foi profundamente inspirado pela maneira como os *BSD incorporam chamadas de um ''único arquivo'' ([[rc.conf (Português)]]) ao invés da estrutura de diretórios do SysVinit, contendo dezenas de links simbólicos para cada runlevel. A configuração do sistema é feita editando simples arquivos de texto.
Ela tem como retaguarda um sitema de pacotes binários fácil de usar - [[pacman]] - que permite atualizar o sistema todo com um comando apenas. Arch também usa um sistema de construção de pacotes tipo ports (Arch Build System [Sistema de Construção Arch]) para facilitar a construção de pacotes pelo usuário, o qual pode também ser sincronizado com um único comando. Tudo é feito de forma simples e transparente.
+
  
== Apenas o melhor ==
+
== Modernidade ==
O Arch Linux se esforça por manter as últimas versões estáveis do seu software. No momento suportamos um conjunto de pacotes principais bastante atualizada com uma crescente coleção de pacotes extra criados por usuários e desenvolvedores do AL.
+
  
== Simplicidade é a chave ==
+
O Arch Linux se empenha em oferecer as últimas versões estáveis de seus pacotes, e é baseado no sistema de ''rolling-release'', que permite uma única instalação e upgrades contínuos e ininterruptos, sem nunca ter de instalar ou realizar elaborados upgrades de sistema de uma versão para a próxima. Com apenas um comando, o Arch é mantido atualizado e na vanguarda absoluta.
Em seu objetivo de ser simples e leve, foram retiradas as partes de relativamente pouco uso dos sistemas linux, coisas como /usr/doc e paginas info. Pela minha própria experiência estas são raramente utilizadas, e informação equivalente pode ser obtida na Internet se necessário. Páginas man de ponta a ponta...
+
  
== Ferramentas modernas ==
+
O Arch incorpora muitas das mais novas funcionalidades disponíveis para os usuários do GNU/Linux, incluindo sistemas de arquivos modernos (Ext2/3/4, Reiser, XFS, JFS), LVM2/EVMS, RAID via software, suporte ao udev e initcpio, bem como os últimos kernels.
O Arch Linux também se esforça por usar algumas das mais novas caractrísticas disponíveis para os usuários Linux, como suporte a Ext3/ReiserFS e udev. Arch Linux 0.7 (Wombat) usa kernel linux 2.6 por padrão, e tem suporte a XFS/JFS.
+
  
== Literatura adicional ==
+
== Empacotamento de Software ==
A homepage do Arch está em http://www.archlinux.org/, onde se pode encontrar links para o fórum de usuários, documentação oficial, e tudo o mais que é o Arch. Você pode também ler o [[TheArchWay]] para compreender um pouco mais do jeito do Arch.
+
 
 +
O Arch é apoiado pelo [[pacman (Português)]], um gerenciador de pacotes binário e fácil de usar que permite que você faça o upgrade do sistema inteiro com apenas um comando. O pacman é programado em ''C'' e projetado desde o começo para ser leve, simples e muito rápido. O Arch Linux também possui o [[Arch Build System (Português)]], sistema parecido com o ports que torna fácil compilar e instalar pacotes a partir da fonte, e que também podem ser sincronizados com um comando. Você pode até mesmo recompilar seu sistema inteiro com apenas um comando.
 +
 
 +
Suportando as arquiteturas i686 e x86_64, os [[Official Repositories (Português)]] do Arch fornecem vários milhares de pacotes de alta qualidade para atender às suas demandas de software. Além disso, o Arch encoraja o crescimento da comunidade e da contribuição, oferecendo o [[Arch User Repository (Português)]], que contém muitas centenas de scripts PKGBUILD mantidos pelos usuários, que podem ser usados pelo programa ''makepkg'' para compilar pacotes instaláveis a partir da fonte. Também é possível para os usuários facilmente criar e manter seus próprios repositórios.
 +
 
 +
== Integridade do Código-Fonte ==
 +
 
 +
O Arch Linux provê seu software sem patches ou modificações; os pacotes são criados puramente a partir do upstream, da maneira como o autor originalmente pretendeu que fosse distribuído. Adição de patches ocorre apenas em casos extremamente raros, para prevenir quebras severas no sistema, no caso de desencontro de versões, que podem ocorrer no modelo de ''rolling release''.
 +
 
 +
== Comunidade ==
 +
 
 +
A comunidade do Arch é bastante segura, vigorosa e acolhedora: todos os ''Archers'' são encorajados a participar e dar sua contribuição para a distribuição, seja ajudando com o desenvolvimento do software núcleo, mantendo pacotes, relatando ou consertando [https://bugs.archlinux.org/ bugs], melhorando a [[Main Page (Português)|documentação da ArchWiki]], ajudando outros usuários a resolver problemas ou apenas discutindo nos [https://bbs.archlinux.org/ fórums], [https://mailman.archlinux.org/mailman/listinfo/ listas de discussão], [[Canais de IRC]], ou compartilhando seu conhecimento ou mesmo os programas que desenvolveu. O Arch Linux é o sistema operacional escolhido por muitas pessoas no mundo todo, e existem várias [[International Communities (Português)|comunidades internacionais]] que oferecem ajuda e documentação em várias línguas diferentes.
 +
 
 +
Veja a página [[Getting Involved (Português)]] se você deseja tornar-se um membro ativo da comunidade.
 +
 
 +
== Resumo ==
 +
 
 +
Para resumir: o Arch Linux é uma distribuição simples e versátil, projetada para atender às necessidades de usuários competentes do Linux®. Ele é tanto poderoso quanto fácil de manter, tornando-se a distro ideal para servidores e estações de trabalho. Leve-o à direção que você quiser: se você compartilha essa visão sobre o que uma distribuição GNU/Linux deve ser, então você é bem-vindo e encorajado a usá-lo livremente, envolver-se com o projeto, e contribuir com a comunidade. Bem-vindo ao Arch!

Revision as of 00:07, 6 December 2012

O Arch Linux é uma distribuição GNU/Linux i686/x86_64 de uso geral desenvolvida independentemente e versátil o suficiente para cumprir qualquer papel. O desenvolvimento é focado na simplicidade, minimalismo e elegância de código. O Arch é instalado como um sistema de base mínimo a partir do qual o usuário configura seu ambiente ideal, instalando apenas o que for requerido ou desejado para seus propósitos pessoais. Utilitários GUI (Graphical User Interface) de configuração não são providos oficialmente, e a maioria da configuração do sistema é realizada no terminal, editando simples arquivos de texto. Baseado no modelo de rolling-release, o Arch se esforça para se manter bleeding edge, e tipicamente oferece as últimas versões estáveis da maioria dos softwares.

História

O Arch Linux foi fundado pelo programador canadense Judd Vinet. Seu primeiro lançamento formal, o Arch Linux 0.1, foi em 11 de março de 2002. Embora o Arch seja completamente independente, ele se inspira na simplicidade de outras distribuições, incluindo o Slackware, o CRUX e o BSD. Em julho de 2007, Judd Vinet deixou o cargo de Líder de Projeto para perseguir outros interesses e foi substituído por Aaron Griffin, que permanece como líder do projeto até hoje.

Veja também: History of Arch Linux (Português).

Simplicidade

Seguindo a filosofia The Arch Way (Português), o Arch Linux é leve, flexível, simples e visa ser bastante UNIX-like.Um ambiente mínimo (sem GUI) compilado para as arquiteturas i686/x86_64 é proporcionado após a instalação: ao invés de ter de desinstalar pacotes desnecessários ou indesejados, é oferecida ao usuário avançado a habilidade de construir a partir de um alicerce mínimo, sem quaisquer padrões escolhidos antecipadamente. A filosofia de design do Arch e sua implementação tornam fácil estendê-lo ou moldá-lo em qualquer tipo de sistema requerido, de um console minimalista aos mais grandiosos e completos ambientes de desktop disponíveis: é o usuário quem decide o que o seu sistema Arch será.

O simples sistema init do Arch foi profundamente inspirado pela maneira como os *BSD incorporam chamadas de um único arquivo (rc.conf (Português)) ao invés da estrutura de diretórios do SysVinit, contendo dezenas de links simbólicos para cada runlevel. A configuração do sistema é feita editando simples arquivos de texto.

Modernidade

O Arch Linux se empenha em oferecer as últimas versões estáveis de seus pacotes, e é baseado no sistema de rolling-release, que permite uma única instalação e upgrades contínuos e ininterruptos, sem nunca ter de instalar ou realizar elaborados upgrades de sistema de uma versão para a próxima. Com apenas um comando, o Arch é mantido atualizado e na vanguarda absoluta.

O Arch incorpora muitas das mais novas funcionalidades disponíveis para os usuários do GNU/Linux, incluindo sistemas de arquivos modernos (Ext2/3/4, Reiser, XFS, JFS), LVM2/EVMS, RAID via software, suporte ao udev e initcpio, bem como os últimos kernels.

Empacotamento de Software

O Arch é apoiado pelo pacman (Português), um gerenciador de pacotes binário e fácil de usar que permite que você faça o upgrade do sistema inteiro com apenas um comando. O pacman é programado em C e projetado desde o começo para ser leve, simples e muito rápido. O Arch Linux também possui o Arch Build System (Português), sistema parecido com o ports que torna fácil compilar e instalar pacotes a partir da fonte, e que também podem ser sincronizados com um comando. Você pode até mesmo recompilar seu sistema inteiro com apenas um comando.

Suportando as arquiteturas i686 e x86_64, os Official Repositories (Português) do Arch fornecem vários milhares de pacotes de alta qualidade para atender às suas demandas de software. Além disso, o Arch encoraja o crescimento da comunidade e da contribuição, oferecendo o Arch User Repository (Português), que contém muitas centenas de scripts PKGBUILD mantidos pelos usuários, que podem ser usados pelo programa makepkg para compilar pacotes instaláveis a partir da fonte. Também é possível para os usuários facilmente criar e manter seus próprios repositórios.

Integridade do Código-Fonte

O Arch Linux provê seu software sem patches ou modificações; os pacotes são criados puramente a partir do upstream, da maneira como o autor originalmente pretendeu que fosse distribuído. Adição de patches ocorre apenas em casos extremamente raros, para prevenir quebras severas no sistema, no caso de desencontro de versões, que podem ocorrer no modelo de rolling release.

Comunidade

A comunidade do Arch é bastante segura, vigorosa e acolhedora: todos os Archers são encorajados a participar e dar sua contribuição para a distribuição, seja ajudando com o desenvolvimento do software núcleo, mantendo pacotes, relatando ou consertando bugs, melhorando a documentação da ArchWiki, ajudando outros usuários a resolver problemas ou apenas discutindo nos fórums, listas de discussão, Canais de IRC, ou compartilhando seu conhecimento ou mesmo os programas que desenvolveu. O Arch Linux é o sistema operacional escolhido por muitas pessoas no mundo todo, e existem várias comunidades internacionais que oferecem ajuda e documentação em várias línguas diferentes.

Veja a página Getting Involved (Português) se você deseja tornar-se um membro ativo da comunidade.

Resumo

Para resumir: o Arch Linux é uma distribuição simples e versátil, projetada para atender às necessidades de usuários competentes do Linux®. Ele é tanto poderoso quanto fácil de manter, tornando-se a distro ideal para servidores e estações de trabalho. Leve-o à direção que você quiser: se você compartilha essa visão sobre o que uma distribuição GNU/Linux deve ser, então você é bem-vindo e encorajado a usá-lo livremente, envolver-se com o projeto, e contribuir com a comunidade. Bem-vindo ao Arch!