History of Arch Linux (Português)

From ArchWiki
Jump to: navigation, search

Tango-document-new.pngThis article is a stub.Tango-document-new.png

Notes: please use the first argument of the template to provide more detailed indications. (Discuss in Talk:History of Arch Linux (Português)#)

Tango-view-fullscreen.pngThis article or section needs expansion.Tango-view-fullscreen.png

Reason: please use the first argument of the template to provide a brief explanation. (Discuss in Talk:History of Arch Linux (Português)#)

Os primeiros anos

Judd Vinet, um programador canadense e guitarrista ocasional, começou a desenvolveu o Arch Linux no começo de 2001. Seu primeiro lançamento formal, Arch Linux 0.1, foi em 11 de março de 2002. Inspirado pela elegante simplicidade do Slackware, distribuição Linux polonesa, e o CRUX, mas desapontado com a falta de gerenciamento de pacotes, Vinet construiu sua própria distribuição com princípios similares a outras distros; no entanto, ele também escreveu um gerenciador de programas chamado pacman, para manipular automaticamente a instalação, remoção e upgrade de pacotes.

Os anos médios

A comunidade inicial do Arch cresceu firmemente, como evidencia esse gráfico do número de posts nos fóruns, usuários e relatórios de bugs. Além disso, foi desde o começo conhecida como uma comunidade aberta, amigável e prestativa.

O alvorecer da era A. Griffin

No fim de 2007, Judd Vinet se afastou da participação ativa como desenvolvedor do Arch, e transferiu sem problemas o reinado para Aaron Griffin, também conhecido como Phrakture, que continua como líder do desenvolvimento do Arch até hoje.

Com o passar dos anos, a comunidade do Arch continuou a crescer e maturar, e recentemente tem recebido uma quantidade incomum de atenção e análises para uma distro Linux de seu tamanho.

Os desenvolvedores do Arch continuam a ser voluntários não-pagos e de meio expediente, e não existem expectativas de monetizar o Arch Linux, de modo que ele continuará a ser livre em todos os sentidos da palavra. Aqueles curiosos para ler mais detalhes sobre a história do desenvolvimento do Arch podem navegar na entrada sobre o Arch na Internet Archive Wayback Machine.