makepkg (Português)

From ArchWiki
Revision as of 17:50, 11 December 2011 by Strcat (Talk | contribs) (codeline -> ic)

Jump to: navigation, search

This template has only maintenance purposes. For linking to local translations please use interlanguage links, see Help:i18n#Interlanguage links.


Local languages: Català – Dansk – English – Español – Esperanto – Hrvatski – Indonesia – Italiano – Lietuviškai – Magyar – Nederlands – Norsk Bokmål – Polski – Português – Slovenský – Česky – Ελληνικά – Български – Русский – Српски – Українська – עברית – العربية – ไทย – 日本語 – 正體中文 – 简体中文 – 한국어


External languages (all articles in these languages should be moved to the external wiki): Deutsch – Français – Română – Suomi – Svenska – Tiếng Việt – Türkçe – فارسی

Makepkg é usado para compilar e construir um pacote adequado para instalação com o pacman, o gerenciamento de pacotes do Arch Linux. Makepkg é um script automático para a construção do pacote; podendo fazer o download e validar o arquivo, checando as dependências, configurações do tempo de compilação, compilar o código, instalar temporariamente como root, fazer a personalização, gerar informações, e por fim, fazer todo empacotamento.

O Makepkg é fornecido pelos pacotes do pacman.

Configuração

No diretório “/etc/makepkg.conf” estão as principais configurações do arquivo makepkg. A maioria dos usuários desejam ajustar as opções de configuração para construção dos pacotes. (Por exemplo, modificando a variável MAKEFLAGS no sistema SMP para redução de tempo na compilação, ou modificar a variável PACKGER para personalização dos pacotes.) Verifique o "makepkg.conf" para mas informações detalhadas.

Para habilitar a instalação de dependência do makepkg sem o modo root (com makepkg -s) e instalação pelo sudo, e adicionar os usuários dejados “/etc/sudoers”.

USER_NAME    ALL=(ALL)    NOPASSWD: /usr/bin/pacman

Sobe a negação para entrar com password no pacman. Leia as informações sobre o sudo para mais detalhes. Depois, pode configurar os pacotes para serem colocados. Esta faze é opcional; os pacotes serão criados no diretório onde o makepkg é executado.

Crie o diretório:

$ mkdir /home/$USER/packages

A modificação da variável PKGDEST no diretório “/etc/makepkg.conf” é por consequência.

fakeroot

Fakeroot é a permisão normal do usuário sem a necessidade do root para criar um pacote, sem poder alterar o sistema por completo. Se as tentativas de alterar o processo em construção fora do ambiente de compilação, os erros são abordados e mostra a falha – para verificar a qualidade/segurança/integridade nos PKGBUILDs para a distribuição. Por default, o fakeroot é habilitado no diretório “/etc/make.pkg”; o usuário por opção pode por ! no BUILDENV para desabilitar.

Uso

Antes de continuar, verifique o grupo “base-dev1” está instalado. Os pacotes pertencem a este grupo, não é requerido na lista de dependências nos arquivos do PKGBUILD. A instalação do “base-dev1” é como root.

# pacman -S base-devel
Atenção: Antes de reclamar sobre a falta (criar) pacotes, lembre-se sobre o grupo “base” que assume a instalação de todo o sistema do Arch Linux. O grupo “base-devel” assume toda a instação durante a construção com o makepkg.

A construção do pacote, necessita criar um primeiro PKGBUILD ou Script, com descrição na criação do pacote, ou obter a partir ABS Tree, AUR, ou atráves de outras fontes.

Atenção: Apenas construção/instalação de pacotes com fontes confiáveis.

Com o PKGBUILD, mude o diretório onde ele se encontra e faça o seguinte comando para extrair o PKGBUILD:

$ makepkg

Se a dependência desaparecer, o makepkg irá informar a falha. Para a construção do pacote e instalação necessita da dependência automática, com um simples comando:

$ makepkg -s

Nota que estas dependências devem está disponíveis na configuração do repositório, veja no pacman#Repositories para mas detalhes. Alternativa para instalação manual da dependência antes da construção (pacman -S dep1 dep2).

Uma vez que todas as dependências estão satisfeita e os pacotes construídos, o pacote (pkgname-pkgver.pkg.tar.gz) será criado no diretório. Para instalação, como root:

# pacman -U pkgname-pkgver.pkg.tar.gz