mlocate (Português)

From ArchWiki
Jump to navigation Jump to search

Status de tradução: Esse artigo é uma tradução de mlocate. Data da última tradução: 2018-10-31. Você pode ajudar a sincronizar a tradução, se houver alterações na versão em inglês.

mlocate (Merging Locate) é uma versão mais segura do utilitário locate, que mostra apenas arquivos acessíveis ao usuário.

locate é uma ferramenta Unix comum para encontrar rapidamente arquivos pelo nome. Ele oferece melhorias de velocidade em relação à ferramenta find, pesquisando um arquivo de banco de dados pré-compilado, em vez do sistema de arquivos diretamente. A desvantagem dessa abordagem é que as alterações feitas desde a construção do arquivo de banco de dados não podem ser detectadas pelo locate. Esse problema pode ser minimizado por atualizações de banco de dados agendadas.

Instalação

Instale o pacote mlocate.

Enquanto o GNU findutils também uma implementação do locate, o pacote findutils do Arch não inclui.

Uso

Antes que locate(1) possa ser usado, o banco de dados precisará ser criado, isso é feito com o comando updatedb(8), que (como o nome sugere) atualiza o banco de dados.

O pacote contém uma unidade updatedb.timer, que invoca uma atualização do banco de dados todos os dias. O timer é ativado logo após a instalação, inicie manualmente se você quiser usá-lo antes de reinicializar. Você também pode executar manualmente updatedb como root a qualquer momento.

Para economizar tempo, updatedb pode ser (e por padrão é) configurado para ignorar certos sistemas de arquivos e caminhos editando /etc/updatedb.conf. updatedb.conf(5) descreve a semântica deste arquivo. Vale a pena notar que entre os caminhos ignorados na configuração padrão (PRUNEPATHS) estão /media e /mnt, então locate pode não descobrir arquivos em dispositivos externos.

Veja também